OK, mas… e se o outro não entendeu?

A responsabilidade de passar a mensagem é sua. Não é responsabilidade da pessoa entender o que você falou.

Pronto, falei!

OK, mas… e se o outro não ouviu?

A responsabilidade continua sendo sua. Ou você acha que você é o ser humano super-duper-master que todos param de fazer tudo para te escutar?

Pronto, falei… e depois…

Que tal perguntar?

“O que você entendeu?”
-> A pessoa vai valar o que ela entendeu! Pode ter entendido, ou não. Se a pessoa não entendeu, explique e continue fazendo a pergunta acima até ter certeza que ambos estão alinhados, na mesma página.

“Você entendeu o que eu falei?”
-> Esta é a pergunta que nunca deve ser feita, pois quando a resposta for ‘sim’, provavelmente a pessoa ficou com vergonha de dizer que não. E você vai embora crente que está tudo certo, mas está tudo errado.

Resumindo:

Fale da maneira mais clara e simples possível, e valide a informação que você passou! 
Pronto.